casal de idosos correndo

Exercícios na terceira Idade.

Exercícios para idosos: Movendo-se para um futuro melhor

Muitas pessoas sabem que o exercício pode melhorar a saúde, em qualquer idade, e é ainda mais importante com o avanço dos anos, e pode ser importante para reduzir o estresse de sua condição física em mudança ou aumento da dependência.

Simples movimentos caseiros, também podem ajudar os idosos a obter a carga de exercício necessário que eles precisam, sem ter que deixar a residencia.

Como precaução de segurança, sempre recomendamos que os idosos perguntem ao médico se algum exercício é adequado para eles antes de começarem, mas aqui estão algumas maneiras fundamentais de ajudar os idosos a permanecerem em forma e ativos.

 

Alongamento

Yoga simples pode ser feito para ajudar com o alongamento, mas como as atividades diárias diminuem, yoga poderia se tornar mais importante e pode ser a única atividade física que é razoável para alguns anciãos.

Muito além do simples exercício e alongamento, a proposta do Yoga é a de trazer um maior equilíbrio entre físico e mente. Vários centros comunitários e academias possuem aulas de Ioga.

 

Força

À medida que envelhecemos e diminuímos a nossa atividade, nossos músculos tendem a diminuir em massa e como consequência, perdemos força e ficamos, naturalmente mais fracos.

A massa muscular é importante para alcançar a estabilidade, de modo que possamos impedir que as quedas ocorram e sermos capazes de mais exercícios ou atividades ao ar livre.

A musculação, particularmente, pode trazer benefícios inclusive para o fortalecimento dos ossos.

 

Equilíbrio

O equilíbrio anda em conjunto com o alongamento e com a força,  e esta entre os mais importantes para ajudar os mais idosos principalmente, a alcançarem mais mobilidade e mantê-los mais seguros em casa.

Uma queda simples pode resultar em lesões graves que podem ter sido causadas por causa do equilíbrio reduzido.

Algumas doenças idosas como a osteoporose, reduz o equilíbrio dos idosos e aumenta a necessidade de exercícios de equilíbrio.

 

E você já deu sua “balançada” hoje?